Tributária

Relator altera medida para tentar aprovação

Eugênia Lopes

BRASÍLIA – Para tentar vencer as resistências da bancada ruralista na Câmara e no Senado à Medida Provisória 232 que aumenta impostos do setor de serviços e de agricultura e corrige a tabela do Imposto de Renda das Pessoas Físicas, o relator da proposta, senador Romero Jucá (PMDB-RR), anunciou ontem que vai propor que a alíquota de 1,5% de Imposto de Renda por transação feita pelos produtores incida somente a partir do valor de R$ 11.640,00. Na medida provisória original do governo, o valor é de R$ 1.164,00.

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado