Trab. Previdência

Inocente demitido por furto deve ser readmitido ou indenizado

Para a 5ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-SP), se a empresa descobre que era falsa a acusação de furto que provocou a demissão de um empregado, o simples pagamento das verbas rescisórias não repara o erro. Se o trabalhador não for readmitido, deverá receber indenização pelo dano moral sofrido. Um ex-empregado do Saito & Saito Supermercados Ltda. ingressou com ação na Vara do Trabalho de Caieiras (SP). De acordo com o processo, o reclamante foi suspenso de suas funções logo ap . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas