Tributária

Câmara adia para esta quarta-feira definição sobre a MP 232

Brasília – O plenário da Câmara dos Deputados adiou para esta quarta-feira (30) a definição sobre a votação da Medida Provisória 232, que reajusta a tabela do Imposto de Renda Pessoa Física (IRPF) em 10% e aumenta impostos.

Embora o governo tenha decidido rejeitar a MP, para encaminhar projeto de lei tratando do mesmo tema, a oposição apresentou requerimento para votar a medida em dois grupos de artigos. O primeiro contendo os dispositivos que tratam da correção da tabela do IRPF e o segundo, os artigos sobre o aumento da carga tributária.

O requerimento foi apresentado pelo PSDB e durante a fase de votação, PT, PMDB, PP, PL, PTB, PSB e PCdoB encaminharam suas bancadas para a obstrução, enquanto PFL, PSDB, PDT e PV encaminharam voto favorável ao requerimento.

Eram necessários no mínimo 257 parlamentares votantes, mas apenas 212 compareceram. A falta de quórum obrigou o presidente da Câmara, Severino Cavalcanti (PP-PE) a encerrar a sessão e transferir a votação do requerimento para a tarde desta quarta-feira (30).

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado