Trab. Previdência

TST garante a empregado da ECT média de gratificações de 10 anos

Um empregado da Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos que ocupou cargos de confiança durante dezenove anos assegurou na Quarta Turma do Tribunal Superior do Trabalho a incorporação da média das gratificações recebidas por ele nos últimos dez anos de trabalho. A decisão fundamentou-se no princípio da estabilidade econômica e na garantia à irredutibilidade salarial.

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado