Tributária

Faculdades de contabilidade ajudam a esclarecer dúvidas do IR

A declaração do Imposto de Renda deve ser entregue até o fim do mês. Até lá, milhares de contribuintes encontrarão dificuldades na hora de preencher os formulários da Receita Federal. Como nem todos têm condições de arcar com uma assessoria especializada, cursos na área de contabilidade, como na Universidade Tuiuti do Paraná (UTP) e FAE Business School, de Curitiba, resolveram criar serviços de tira-dúvidas abertos à população.

Munidos de manuais da Receita Federal, calculadoras e todo conhecimento que adquiriram ao longo da faculdade, um grupo de alunos e professores do curso de Ciências Contábeis da UTP esclarece dúvidas sobre o IR na entrada da Igreja do Perpétuo Socorro, em Curitiba. A iniciativa vem agradando os fiéis que freqüentam as tradicionais novenas de quarta-feira, dia em que é feita a orientação.


Ao todo, cerca de 30 estudantes e oito professores participam da ação a cada semana. O grupo estará novamente na igreja na próxima quarta-feira, dia 13 e na última semana do prazo de entrega da declaração, no dia 27 de abril, das 17h às 22h.

Alunos e professores da FAE também fizeram um mutirão para tirar dúvidas na semana passada. Para o próximo sábado, a faculdade elaborou um curso de quatro horas de duração, ministrado pela professora Maria do Carmo Godoy Ehlke. A sessão custará R$ 10, com desconto de 50% para alunos e ex-estudantes da instituição.

Segundo o coordenador do curso de Ciências Contábeis e idealizador do projeto da UTP, professor Cláudio Nogas, na primeira semana da orientação foram atendidas 100 pessoas. Na quarta-feira passada foram cerca de 150. "A tendência é que o número aumente mais, com a proximidade do fim do prazo", comenta. "A ação é ótima para o curso. É uma oportunidade de sair dos muros da universidade e fazer algo para a sociedade e também uma forma de reciclarmos nosso conhecimento", afirma.

O comerciante Ronil Francisco Ribas foi à novena na última quarta-feira e na saída conversou com um dos professores. "Tinha dúvidas sobre o teto para mais de uma fonte de renda e se o imposto é pago sobre o que excede ou sobre tudo." Os estudantes explicaram ao comerciante que as receitas devem ser somadas e o imposto é pago pelo valor excedente. "A iniciativa é muito importante, esclareci minha dúvida", comemora o comerciante, ao deixar a igreja.

A gerente de loja Salete Paris também aproveitou a oportunidade para decidir se vai fazer a declaração completa ou a simplificada. "Recebi as orientações mas na semana que vem vou voltar com a minha documentação e da minha filha para decidir", afirma. A comerciante aprovou a iniciativa. "Para mim foi excelente porque eu estava preocupada com a minha declaração e teria que procurar um contador e gastar pelo menos R$ 50 com isso."

Segundo estimativa da paróquia, cerca de 30 mil fiéis passam pela igreja nas quartas-feiras, durante as novenas que acontecem de hora em hora, ao longo de todo o dia. O grande fluxo de pessoas motivou a escolha do espaço para iniciar os projetos de responsabilidade social do curso. "O conceito é importante para todas as empresas e eu optei por aplicá-lo no nosso curso também. Demos a idéia para o padre porque a gente sabe que mesmo a declaração sendo simples, há muitas dúvidas", afirma o coordenador.

Serviço: A Igreja do Perpétuo Socorro fica na Praça Portugal, no Alto da Glória. Informações sobre o curso da FAE podem ser obtidas pelo telefone (41) 2105-4100.

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado