Tributária

Câmara aprova tributo menor sobre minerais para construção

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou hoje substitutivo ao Projeto de Lei 3661/97, que reduz o percentual da Compensação Financeira sobre a Exploração de Recursos Minerais (CFEM) incidente sobre minerais de aplicação na indústria da construção civil. Analisada em caráter conclusivo, a proposta, que também já havia sido aprovada pela Comissão de Finanças e Tributação, deve seguir agora para o Senado.

O substitutivo, da Comissão de Minas e Energia, estabelece que a taxa sobre areia, cascalho, saibro, pedra britada e pedra de talhe será reduzida de 2% para 0,6%. Já a proposta original do deputado Ricardo Izar (PTB-SP) fixava uma redução menor, para 1%. O texto aprovado também reduz para 0,2% as alíquotas incidentes sobre as rochas calcárias, quando utilizadas como corretivo de solo.

Além disso, a proposta aumenta de 15% para 20% a participação dos estados e do Distrito Federal sobre as alíquotas de distribuição da compensação financeira. Já os municípios permanecerão com 65%.

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado