Tributária

Cai liminar que permitia abater gasto com óculos

A liminar que permitia que os contribuintes deduzissem no IR deste ano os gastos com remédios, óculos, lentes de contato e aparelhos para surdez foi cassada pela desembargadora Salette Nascimento, do TRF da 3ª Região (SP/MS), no dia 5. Os contribuintes que abateram aqueles valores perderão o direito. O próprio sistema fará a correção.

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas