Adm. Tributária

Tarefa árdua pela frente

Os contadores e técnicos contábeis terão trabalho redobrado até o dia 30 de junho, prazo em que deve ser entregue a Declaração de Informações da Pessoa Jurídica (DIPJ) 2005, obrigatoriamente pela internet. É nessa declaração que se consolidam todos os tributos pagos mensalmente ao longo do ano: Imposto de Renda, Contribuição Social sobre o Lucro Líquido, PIS e Cofins e IPI.
Os especialistas não notam muitas alterações na DIPJ 2005. Uma mudança observada pelo sócio de tributos da Deloitte, contador Edirceu Rossi Werneck, são alguns detalhes na ficha da PIS e Cofins. Conforme a atividade, se tem formas de tributação e alíquotas diferenciadas. ?Depende da atividade e depende do produto, a declaração agora está detalhando bem cada atividade, surgiram muito mais informações nesste ano?, diz Rossi. Em 2004, a própria tributação da PIS e Cofins foi modificada. ?É a legislação mais complexa hoje na área tributária?, acredita Rossi.
O contador Nestor João Biehl não identificou alteração significativa na declaração. Para ele, as principais ocorreram na DIPJ para optantes do Simples – com prazo até 31 de maio – que trouxe uma ficha onde devem ser informados o Pedido Eletrônico de Restituição ou Ressarcimento e da Declaração de Compensação (Per/Decomp?s) relativas as compensações efetuadas durante o ano. Outra diferença foi que a declaração das empresas inativas passou a ser feita de forma on line no próprio site da Secretaria da Receita Federal. ?Prejudicou em muito as empresas de serviços contábeis, uma vez que somos obrigados a ficar conectados ao site da SRF?, reclama.

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado