Tributária

Acareação entre envolvidos no caso Daslu trouxe novas informações, diz procurador da República

Arthur BragaSão Paulo ? O procurador da República, Matheus Baraldi Magnani, disse que a acareação feita hoje (16) na sede da Polícia Federal, na capital paulista, entre a proprietária da loja Daslu, Eliana Tranchesi, seu irmão Antonio Carlos Piva de Albuquerque e o contador Celso de Lima, foi "satisfatória" e trouxe novas informações ao caso. A polícia investiga se houve crime de sonegação fiscal, falsidade material e formação de quadrilha.A acareação durou pouco mais de uma hora e, segundo Magnani, Eliana modificou o . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas