Corporativa

A FALTA DA CORREÇÃO MONETÁRIA

As demonstrações contábeis das empresas não têm sido corrigidas monetariamente há quase 10 anos. A extinção dessa prática teve importantes efeitos distributivos e fiscais para as companhias, pois alterou as bases de cálculo de dividendos e de imposto de renda. Os próprios juros sobre o capital próprio - renúncia fiscal em favor das companhias e, indiretamente, de seus acionistas - se originaram com o fim das correções monetárias e vieram como uma compensação às perdas que as empresas teriam por não poder mais reconhecer, para . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas