Adm. Tributária

Liminares mantêm antiga Cofins

As empresas que saíram prejudicadas com a criação da Cofins não-cumulativa estão encontrando mais uma brecha para conseguir manter-se no regime antigo. A Medida Provisória nº 135/03, que criou a não-cumulatividade, abriu uma exceção para os contratos de longo prazo firmados antes da sua edição, que podem ser tributados no regime anterior. Por meio de liminares, algumas empresas, principalmente geradoras de energia e prestadores de serviços, estão ampliando o alcance dessa brecha e conseguem economias que chegam a quase 5% do faturamento.O . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas