Tributária

Sefaz Goiás estuda redução da carga tributária do milho

A Secretaria da Fazenda estuda a viabilidade de reduzir a carga tributária do milho in natura de 12% para 7%, a partir de janeiro do ano que vem. Essa redução vai incluir apenas as saídas interestaduais, pleiteada pelos produtores rurais. De acordo com o secretário José Paulo Loureiro (foto), o projeto de lei deve ser encaminhado à Assembléia Legislativa até o final deste mês. A carga tributária do biodiesel deve ficar igual a do diesel, de 12%.

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas