Corporativa

CVM e Susep sugerem formas de ampliar fiscalização para combate à corrupção

Em reunião na Sub-Relatoria de Normas de Combate à Corrupção da Comissão Parlamentar Mista de Inquérito dos Correios, o presidente da Comissão de Valores Mobiliários (CVM), Marcelo Fernandez Trindade, defendeu a assinatura, pelo Brasil, do Memorando Multilateral de Troca de Informações - um acordo internacional das instituições de controle de mercado de capitais -, como forma de tornar mais eficaz a fiscalização do setor. Para assinar esse protocolo internacional, o que deve ser feito até 2010, a CVM precisa antes obter o acesso legal às informações bancárias e . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas