Tributária

Haddad propõe isenção fiscal para empresa que investir em ciência

Brasília ? Uma proposta para criar lei de incentivo fiscal às empresas que investirem em ciência e tecnologia foi apresentada hoje (28) pelo ministro da Educação, Fernando Haddad, ao ministro da Fazenda, Guido Mantega. Segundo Haddad, os incentivos estariam relacionados às isenções no imposto de renda.

O ministro afirmou que o projeto foi bem recebido e o ministério da Fazenda vai formar um grupo de trabalho para analisá-lo. A proposta é inspirada em uma lei chilena de 1987 combinada com duas leis brasileiras, a Lei de Inovação e a Lei Rouanet.

Haddad explica que a iniciativa é motivada pela lacuna que há no país entre a produção científica e a tecnológica. O Brasil hoje responde por 2% da produção científica do mundo – o percentual dos países em desenvolvimento está entre 4% a 5%. Porém, na área da produção tecnológica, a participação brasileira cai para apenas 0,5%.

"Há um hiato enorme entre aquilo que o Brasil pode produzir e aquilo que repercute no mundo de trabalho em termos de valor agregado. O Brasil precisa fazer a aproximação entre esses dois universos, que é a ciência e a tecnologia", defende o ministro. Segundo ele, aproximar os dois universos requer uma interação maior entre empresas e universidades. Esse seria um dos objetivos do projeto apresentado

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado