Corporativa

Empresa de vigilância deve ressarcir danos por furto em local monitorado

Ao não adotar todas as medidas necessárias para vigiar estabelecimento comercial, empresa contratada para tal fim deve reparar o dano material decorrente de furto. Com decisão unânime, a 5ª Câmara Cível do TJRS condenou a Patrimonial Segurança Ltda. por negligência na prestação do serviço, devendo ressarcir os objetos furtados.

O autor da ação relatou que, na data do arrombamento, o seu estabelecimento já estava monitorado pela empresa.  Após ter recebido aviso do disparo do alarme, via celular, comunicou a ré, que . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas