Adm. Tributária

Reestruturação tributária reduz carga real de franquias

Clarice ChiquetoA rede de franquias Arezzo do Ceará conseguiu reduzir sua carga tributária de 19% para 12% sobre a receita bruta. O processo levou três anos e aconteceu graças à reestruturação tributária que o proprietário das seis lojas, André Albuquerque, o segundo maior da rede no Brasil, decidiu implementar. Seu objetivo, agora, é conseguir diminuir essa porcentagem para 9%. Um dos meios encontrados pela advogada Tiziane Machado, do Machado Advogados e Consultores Associados, que presta consultoria para Albuquerque, para que a empresa conseguisse diminuir o montante recolhido foi preciso migrar a empresa do . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas