Tributária

El Salvador acena com incentivos para calçadistas

Depois da sangria de redução de custos ofertada pela China, que começou a atrair a produção de calçadistas brasileiras para suas terras, agora surge uma nova fonte para essas indústrias reduzirem custos e levarem produtos para os Estados Unidos sem pagar um centavo de imposto. Trata-se de El Salvador, um pequeno país da América Central com 6,7 milhões de habitantes. Representantes do governo começaram nesta terça-feira a acenar para empresários do Vale do Sinos/RS, mostrando uma série de incentivos fiscais. ?Queremos . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas