Adm. Tributária

Conselho veda uso de método PRL

Josette GoulartA Terceira Câmara do Primeiro Conselho de Contribuintes sinalizou uma mudança em seu entendimento sobre a forma de cálculo do preço de transferência que pode alterar o resultado até então favorável para a indústria farmacêutica. Uma decisão dos conselheiros publicada ontem no Diário Oficial diz que uma empresa multinacional do setor de aditivos para lubrificantes e combustíveis não poderá usar o método do preço de revenda menos lucros (PRL). Entre as três formas de cálculo do imposto de renda . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas