Trab. Previdência

Dinheiro aplicado na poupança pode ser penhorado

Dinheiro fica na conta corrente ou na poupança, é aplicação financeira e pode ser penhorado. Com este entendimento, os juízes da 2ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região (TRT-SP), rejeitaram um Agravo de Petição em Embargos de Terceiro contra penhora determinada pela 42ª Vara do Trabalho de São Paulo.

O juiz Sérgio Pinto Martins, relator do recurso do TRT-SP, observou que "a partir do momento em que o valor fica na conta corrente é numerário e não benefício. Logo . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas