Tributária

Sobre o Fundo contra a pobreza no Mato Grosso do Sul

MARCO ANTÔNIO GEHLENO proprietário da Brasfogos ? loja que há 31 anos revende fogos de artifício em Campo Grande ?, Policarpo Matias de Lima, conta que, quando soube que a alíquota do ICMS incidente sobre os fogos poderia sofrer aumento de dois pontos percentuais, chegou a pensar que a medida só "poderia ser brincadeira e de muito mau gosto", destacou. "Não podemos conceber que o governador queira sobretaxar comerciantes que já estão enforcados", disse Policarpo.Segundo ele, não há mais "gordura" no comércio. "Tudo . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas