Tributária

Fazenda estuda fim da cobrança do PIS/Cofins sobre o trigo, diz ministro

Brasília – O Ministério da Fazenda estuda uma proposta para acabar com a cobrança de PIS/Cofins sobre o trigo, disse o ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Miguel Jorge. Hoje pela manhã (18), ele esteve reunido com representantes da Associação Brasileira de Trigo (Abtrigo). No encontro, eles também pediram a extensão da isenção do PIS/Cofins sobre o trigo, que terminou em janeiro.
"Eles [Abtrigo] pediram que seja estendido para este ano [a isenção da cobrança de PIS/Cofins] ou mesmo a retirada de uma vez desse imposto. A Fazenda está trabalhando nisso e isso deve ser discutido na reunião da Camex [Câmara de Comércio Exterior].
Miguel Jorge também afirmou que há a possibilidade de o país retirar a taxa de 10% sobre a importação de trigo dos Estados Unidos e do Canadá. Isto porque a Argentina ? principal fornecedor do cereal para Brasil ? deve ter quebra da safra deste ano.
"Isso não chegou a ser discutido pela Camex, mas está sendo discutido e há a possibilidade", disse o ministro, após reunião com o presidente da Câmara dos Deputados, Michel Temer (PMDB-SP). "Estamos preparando [a proposta de redução da taxa de importação] para que possamos apresentar isso na próxima reunião da Camex, em março".
A safra de trigo argentino deve cair de 16 milhão de toneladas, em 2008, para menos de 9 milhões, em 2009. Como a Argentina é o principal fornecedor do grão para o mercado brasileiro, o país precisará buscar novos parceiros.

Print Friendly, PDF & Email

Comentário fechado