Tributária

Liminar suspende cobrança de ISS de advogados mineiros

Laura Ignacio, de São PauloUm escritório de advocacia de Belo Horizonte (MG) conseguiu liminar que suspende a nova forma de cobrança do Imposto sobre Serviços (ISS) para sociedades de profissionais liberais - como consultórios médicos e escritórios de contabilidade e advocacia. No apagar das luzes de 2009, por meio da Lei nº 9.799, de 30 de dezembro, a Prefeitura da capital mineira instituiu novos valores do imposto para esses profissionais, que começaram a ser cobrados este ano. "Os valores triplicaram com a mudança", afirma o advogado . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas