Corporativa

CÂMARA DE CONTADORES APRESENTA MUDANÇAS E VANTAGENS NA APLICAÇÃO DA CPC PME

As mudanças significativas dos conceitos básicos de Contabilidade, da norma CPC PME, editada pelo Comitê de Pronunciamentos Contábeis (CPC) e aprovada pelo CFC, foi tema da palestra de Luciano De Biasi, membro do GT PME, que abriu a programação anual da Câmara de Contadores do Ibracon ? Instituto dos Auditores Independentes do Brasil.
Após a introdução do coordenador da Câmara, Alexandre Oliveira, que participou ativamente conduzindo questões ao longo da palestra, De Biasi realizou a apresentação sobre o CPC PME apresentnado os conceitos básicos das mudanças com relação à norma anterior.
De acordo com De Biasi, as organizações que podem adotar a CPC PME, devem obedecer os seguintes requisitos:
Empresas não devem ser alcançadas pela Lei 11.638/07;
Empresas que são controladas por empresas de grande porte;
Empresas que são controladas por companhia de capital aberto

O palestrante ressaltou que o CPC PME é opcional. ?A empresa decide se quer adotá-la ou se não quer?, afirmou.
Porém, uma vez adotado o padrão desta norma, a empresa deverá mantê-lo. O CPC prevê a primeira revisão após dois anos e, posteriormente, revisões periódicas a cada três anos.

Outra questão relevante que foi compartilhada com o grupo foram as vantagens na aplicação deste CPC, quando comparada a versão integral das normas.
De maneira geral, traz uma linguagem mais simples, possui cerca de 10% do tamanho do conjunto de normas emitido pelo CPC e pode ser aplicada individualmente.
O grande interesse dos participantes, todos associados, refletia a importância do assunto discutido. Coordenador e Membros do GT Pequenas e Médias Firmas também estiveram presentes.

As próximas atividades da Câmara de Contadores serão realizadas nos dias 2 e 25 de junho.

Para inscrições clique abaixo:

http://www.ibracon.com.br/cursos/resultado.asp?identificador=3713&s=5

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado