Tributária

SC receberá fábrica da Votorantim

A Votorantim Cimentos confirmou a construção de uma nova moagem em Imbituba, no Sul de Santa Catarina. O aporte de R$ 86,6 milhões faz parte de um programa de ampliação da produção anunciado pela companhia em abril deste ano. Até 2012, serão R$ 5 bilhões em investimentos para 22 novas fábricas. A unidade de Imbituba terá capacidade para produzir 1,2 milhão de toneladas de cimento por ano e deverá entrar em operação em meados de 2011.
Segundo o prefeito do município, Beto Martins (PSDB), a Votorantim avalia dois terrenos na área urbana da cidade. As obras devem começar neste segundo semestre e duram dez meses. O governo do Estado deve enquadrar a nova unidade da Votorantim no programa Pró-Emprego. O incentivo prevê postergação do pagamento de ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).
A fase de construção do empreendimento vai gerar cerca de 300 empregos. Quando entrar em operação, serão 180 trabalhadores. Também em 2011, a Votorantim pretende colocar em operação a fábrica de Vidal Ramos. Com aportes estimados em R$ 360 milhões, vai gerar 600 empregos diretos e indiretos, produzindo 1,3 milhão de toneladas de cimento/ano.
Além das unidades em Santa Catarina, a Votorantim está em fase de construção de uma fábrica em Sepetiba (RJ), Salto (SP) e Baraúna (RN). Com a ampliação, a empresa quer se antecipar à demanda da construção civil no país. A estratégia é trabalhar com capacidade ociosa para atender à sazonalidade do setor, demanda em grandes obras de infraestrutura, construções industriais, alto consumo no varejo e evolução no segmento de moradia popular.
A decisão de implementar as fábricas em Santa Catarina reflete a estratégia do grupo de regionalizar e descentralizar o atendimento. O mercado nacional de cimento deverá crescer 18% este ano sobre 2009. De janeiro a maio deste ano, as vendas de cimento totalizaram 23 milhões de toneladas, alta 16,4% sobre o mesmo período de 2009, segundo o Sindicato Nacional da Indústria do Cimento (Snic). Em doze meses até maio de 2010, o crescimento foi de 6,5%, para 54,5 milhões de toneladas.

Print Friendly, PDF & Email
Americanas

Comentário fechado