Tributária

Representantes estaduais e da Abiquim sugerem que governadores alertem autoridades sobre os riscos de redução da TEC

Realizada na Serfi, reunião foi coordenada pela secretária Ana Amélia Lemos – Foto: Divulgação / Serfi

Representantes de Estados sedes de polos petroquímicos (BA, SP, RJ e RS), reunidos nesta quarta-feira (27/11) na Secretaria de Relações Federativas e Internacionais do Rio Grande do Sul, em Brasília, sugeriram que os governadores dessas unidades da federação, liderados pelo governador gaúcho, Eduardo Leite, encaminhem documento ao ministro da Economia, Paulo Guedes, alertando sobre os riscos que a alteração abrupta na Tarifa Externa Comum (TEC), no Mercosul, representará para o setor petroquímico, uma cadeia produtiva industrial estratégica para o país.

O mesmo documento também será encaminhado pelos governadores aos presidentes de Câmara Federal, Senado, Ministério das Relações Exteriores e ao coordenador da frente parlamentar mista pela Competitividade da Cadeia Produtiva do Setor Químico, Petroquímico e de Plástico, Alex Manente.

A reunião, coordenada pela titular da Secretaria de Relações Federativas do RS, Ana Amélia Lemos, contou com a presença do secretário de São Paulo, Antonio Imbassahy, os representantes do Rio de Janeiro, Clóvis Silveira Neto, e da Bahia, Carlos Des Helzel, Célia Araújo e Fernanda Passos Lago, a diretora de Assuntos de Comércio Exterior da Associação Brasileira da Indústria Química (Abiquim), Denise Naranjo, além de integrantes de empresas petroquímicas associadas.

Texto: Jéssica Xavier/Ascom Serfi
Edição: Marcelo Flach/Secom

RNF – Fonte: Representantes estaduais e da Abiquim sugerem que governadores alertem autoridades sobre os riscos de redução da TEC – Portal do Estado do Rio Grande do Sul

Comentário fechado