Corporativa

Salões de beleza, barbearias e academias passam a ser consideradas atividades essenciais

O Presidente da República alterou a redação do art. 3º do Decreto nº 10.282/2020, para incluir mais algumas atividades no rol daquelas consideradas essenciais, ou seja, que podem funcionar durante a pandemia do coronavírus, a saber:
a) salões de beleza e barbearias, obedecidas as determinações do Ministério da Saúde; e
b) academias de esporte de todas as modalidades, também obedecidas as determinações do Ministério da Saúde.

Fonte: IOB

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas