Tributária

Suframa sedia assinatura de criação da Câmara de Comércio Argentina-Amazonas

Foi assinado, nesta terça-feira (21), no auditório da Suframa, acordo de cooperação para a criação da Câmara de Comércio Argentina–Amazonas (Cabam). Conforme o documento, o objetivo do acordo é a promoção comercial de bens, serviços, turismo e agronegócio entre o setor produtivo do Amazonas e a República Argentina.

Os signatários do acordo foram o embaixador da Argentina, Daniel Osvaldo Scioli, o presidente da Federação do Comercio do Estado do Amazonas (Fecomércio-AM), Aderson Frota, o presidente do Sindicato do Comércio Atacadista e Distribuidor do Estado do Amazonas (Sincadam), Enock Alves, e presidente do Sindicato do Comércio Varejista no Estado do Amazonas (Sindvarejista), Teófilo Silva Neto.

Na solenidade da criação da Cabam, o superintendente da Suframa, Algacir Polsin, contextualizou historicamente a instituição da Zona Franca de Manaus (ZFM), destacando os momentos em que o comércio era a principal matriz econômica, até os anos 90, a passagem do topo para a indústria e os resultados socioeconômicos para a região, bem como delineou os próximos passos estratégicos do modelo. “Nossa ênfase é o fortalecimento da bioeconomia, com o aproveitamento da biodiversidade, transformada em produtos industrializados de alto valor agregado e também o espraiamento para todos os rincões da Amazônia, da riqueza e do desenvolvimento gerado pela Zona Franca de Manaus”, ressaltou o general.

O embaixador da Argentina, Daniel Osvaldo Scioli, pontuou que a Câmara de Comércio Argentina–Amazonas é a 14ª câmara de comércio bilateral assinada pela embaixada com um Estado brasileiro e frisou que, após a instalação em Goiás, o comércio entre o Estado do Centro-Oeste brasileiro e a Argentina teve incremento de 600%. “Em 2020, a balança comercial entre Amazonas e Argentina atingiu o volume de US$ 162 milhões, o que demonstra que há muito espaço para crescer”, salientou, recordando que há 27 anos existe um acordo entre a ZFM e Zona Franca da Tierra del Fuego. O diplomata, que está no cargo desde agosto de 2020, também celebrou a incorporação, em Manaus, da Reck Aduaneiras e do Grupo Aduana ao Programa de Redução de Custos Logísticos, pelo qual há concessão de descontos tarifários a operadores logísticos e de comércio exterior de ambos os países.

Com a criação da Cabam, cada partícipe se compromete a promover de forma sistemática e contínua a troca de oportunidades de parcerias internacionais e de serviços, no comércio, no turismo, no agronegócio e no transporte rodoviário de cargas e logística e na captação de investimento, no âmbito de seus respectivos ramos de atividade. Além disso, será criado um “Plano de Trabalho Anual” num prazo máximo de 90 dias a partir da data da assinatura do acordo.

Fonte: Suframa sedia assinatura de criação da Câmara de Comércio Argentina-Amazonas — Português (Brasil)

Comentário fechado