Tributária

Carga de impostos tem novo recorde

Impostos, taxas e contribuições pagos pelos brasileiros no primeiro semestre deste ano corresponderam a 39,41% do Produto Interno Bruto (PIB ), segundo cálculos do Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário (IBPT). Houve aumento de 0,25 ponto percentual na comparação com o mesmo período do ano passado. Em 2005, a carga chegou a 37,82%. O peso dos tributos em relação ao PIB nos primeiros seis meses deste ano atingiu uma marca histórica, conforme o instituto. Para o presidente do IBPT, Gilberto Luiz do Amaral, "tudo indica que o ano . . .

Este conteúdo é restrito a assinantes.

Por favor, faça seu login.

Não é assinante? Faça agora sua assinatura!

Americanas